Connect with us

TV

Canal Brasil : Filmes em destaque de 10 a 16 de junho de 2019

O Auto da Compadecida

Aqui no TV e Pipoca você confere os filmes em destaque do Canal Brasil na semana de 10 a 16 de junho.

SEGUNDA-FEIRA, 10 DE JUNHO

Houve Uma Vez Dois Verões (2002) (75’)
[Mês dos Namorados]
Horário: Segunda, dia 10/6, às 20h10
Classificação: 10 anos
Direção: Jorge Furtado
Sinopse: Chico (André Arteche) é um garoto ingênuo, em plena crise sobre a perda da virgindade, cujo sonho é encontrar o grande amor de sua vida. Roza (Ana Maria Mainieri) é uma moça misteriosa, que só pensa em arranjar dinheiro para poder viajar rumo à Austrália. Por uma dessas artimanhas do destino, os dois se conhecem durante o fim de um verão. Juntos vivem uma intensa paixão e transam logo na primeira noite. Depois disso, ela some. Ao lado do amigo Juca (Pedro Furtado), Chico procura por Roza em vão. Meses depois, já de volta a Porto Alegre e às aulas de química orgânica, o rapaz finalmente vivencia o reencontro. Ele quer conversar sobre “aquela noite”, mas a menina chega com uma notícia bombástica: está grávida.

TERÇA-FEIRA, 11 DE JUNHO

Temporada (2019) (112’)
[Programação Especial do Orgulho LGBTQI]
INÉDITO E EXCLUSIVO
Horário: Terça, dia 11/6, às 20h20
Classificação: 12 anos
Direção: André Novais de Oliveira
Sinopse: Juliana (Grace Passô) nasceu em Itaúna, no interior de Minas Gerais, e recentemente se mudou para trabalhar como agente familiar de saúde em Contagem. Não bastasse a transição da rotina de um pequeno município para a cidade grande e o novo ofício batendo de porta em porta para controlar endemias, a mulher ainda lida com a solidão depois de deixar o marido para trás – ele precisaria de mais tempo para conseguir se mudar. Tantas revoluções em tão pouco tempo tiram a personagem de sua zona de conforto, e ela precisa se acostumar com uma rotina completamente distinta de sua vida até então. Com grande leveza, alternando momentos dramáticos com uma comicidade leve, a funcionária pública faz novos amigos, muda a vida de quem lhe abre a porta e começa a extrair força dos contatos feitos a cada dia.

QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO

Braços Cruzados, Máquinas Paradas (1979) (77’)
[É Tudo Verdade]
INÉDITO E EXCLUSIVO
Horário: Quarta, dia 12/6, às 20h
Classificação: Livre
Direção: Roberto Gervitz e Sérgio Toledo
Sinopse: O documentário de Roberto Gervitz e Sérgio Toledo acompanha de perto a campanha eleitoral de três chapas à presidência do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo em 1978 e as constantes greves eclodidas no período. Os cineastas concedem voz a diversos operários anônimos, todos descontentes com os baixos salários, a diminuição do poder de compra e a intransigência dos patrões nas negociações – sempre acenando com aumentos ínfimos. Com grande consciência política e conhecimento sobre o cenário do momento, os trabalhadores retratam as dificuldades vividas e o medo de cruzar os braços e arriscar perder o emprego. O filme mostra ainda as manobras dos governistas para fraudar as eleições sindicais e os discursos vazios de empresários sem qualquer interesse em perder seus lucros milionários.

QUINTA-FEIRA, 13 DE JUNHO

No Olho da Rua (2010) (95’)
ESTREIA
Horário: Quinta, dia 13/6, às 20h20
Classificação: 14 anos
Direção: Rogério Corrêa
Sinopse: Otoniel (Murilo Rosa) trabalha desde os 18 anos em uma manufatura. Os vencimentos são baixos e o movimento sindical sofre com os pelegos para negociar melhores salários, mas ele mesmo assim consegue sustentar a casa com a iminência da chegada de sua primeira filha. Sem qualquer explicação, o funcionário descobre de forma grosseira que será demitido. A dispensa o abala profundamente, sem qualquer instrução para outro ofício ou perspectiva até o surgimento de Algodão (Leandro Firmino da Hora), um videomaker com pinta de malandro cujas produções são exibidas em uma televisão pirata. Com a câmera do novo amigo o seguindo, Otoniel passa a registrar os momentos de desespero de sua nova e trágica rotina, repleta de problemas profissionais, pessoais e matrimoniais até uma inesperada reviravolta.

SEXTA-FEIRA, 14 DE JUNHO

O Auto da Compadecida (2000) (104’)
Horário: Sexta, dia 14/6, às 20h45
Classificação: Livre
Direção: Guel Arraes
Sinopse: A história é centrada na dupla João Grilo (Matheus Nachtergaele) e Chicó (Selton Mello), dois nordestinos sem eira nem beira que se valem da esperteza de Grilo para sobreviver na dura vida no sertão. A dupla provoca muitas confusões, enganando ricos e poderosos. Como pano de fundo, uma severa crítica às relações díspares entre as camadas sociais, marca registrada das peças de Suassuna.

SÁBADO, 15 DE JUNHO

Raul – O Início, o Fim e o Meio (2012) (120’)
Horário: Sábado, dia 15/6, às 21h20
Classificação: 16 anos
Direção: Walter Carvalho, Evaldo Mocarzel e Leonardo Gudel
Sinopse: Trajetória do conhecido cantor e compositor, polêmico, ícone e criador da “sociedade alternativa” ao lado parceiro inseparável, hoje escritor, Paulo Coelho. Um raio x do astro do rock brasileiro através de documentos, depoimentos de familiares, ex-esposas, filhas, amigos, músicos e compositores.

DOMINGO, 16 DE JUNHO

O Grande Circo Místico (2018) (111’)
Horário: Domingo, dia 16/6, às 22h
Classificação: 16 anos
Direção: Carlos Diegues
Sinopse: A tradicional família austríaca Knieps é a dona do Grande Circo Místico. A arena torna-se palco do improvável romance entre o jovem Fred (Rafael Lozano), médico e herdeiro do aristocrata Dr. Frederico (Antonio Fagundes), e a acrobata Beatriz (Bruna Linzmeyer). Após a morte do patriarca, o rapaz pede à Imperatriz (Catherine Mouchet) o comando do picadeiro. Tem início, então, a história de um clã criado à frente de seu respeitável público ao longo de um século, com todas as gerações de artistas das mais diferentes especialidades. O fio condutor da trama, no entanto, não carrega o mesmo sobrenome e responde pelo nome de Celavi (Jesuíta Barbosa), um mestre de cerimônia que não envelhece e repete sua alcunha como o famoso bordão francês c’est la vie ¬– é a vida, em português.

Fonte : Canal Brasil

Click to comment
Advertisement
Advertisement

More in TV

error: